Recife, segunda-feira, 19 de agosto de 2019
   O Sindicato   
   Legislação   
   Cursos e Eventos   
   Publicações   
   Convênios   
   Filie-se On-line   
    Fale Conosco   


Mulheres negras: luta e resistência!
  O dia 25 de julho marca o ...
Governo quer impor retrocessos na saúde mental
  Para compreender em que a ...
  Notícias de Capa | publicado dia 11/08/2019 às 20:36
NOTA DO SINDICATO DOS ENFERMEIROS DE PERNAMBUCO 
EM DEFESA DA ENFERMAGEM E EM REPÚDIO À DECLARAÇÃO DE BOLSONARO
 
O Sindicato dos Enfermeiros no Estado de Pernambuco – SEEPE repudia o infeliz comentário do atual presidente Jair Bolsonaro que afirmou, a respeito dos médicos que não passarem no exame Revalida que devam trabalhar como enfermeiros.
Bolsonaro desqualifica a nossa nobre profissão, tão essencial quanto todas as demais, e reforça uma visão equivocada, preconceituosa, ignorante e deturpada de que os enfermeiros são “profissionais que não estudaram o suficiente para serem médicos”. Trata-se de um flagrante desrespeito com profissionais que estudaram e se dedicaram por muitos anos para prestar um serviço essencial à saúde. Além de demonstrar sua ignorância a respeito das funções desempenhadas por médicos(as) e enfermeiros(as), o presidente defende a perpetuação de um distanciamento entre os salários dessas duas categorias, distância essa que tanto lutamos para encurtar com a valorização da nossa mão de obra.
O preconceito de Bolsonaro é apenas mais um dos muitos que já expressou desde antes de assumir a Presidência da República. A enfermagem, além de uma nobre profissão, é uma ciência, com características próprias e de fundamental importância para a saúde. Envolve conhecimentos técnicos e científicos sobre o cuidado individual e coletivo, a prevenção de doenças, a promoção à saúde e o gerenciamento de equipe e de unidades de saúde, seja no ambiente hospitalar, da atenção básica e da gestão pública ou privada.
Hoje, a enfermagem conquista cada vez mais espaço e avança no domínio profissional. Buscamos incessantemente a valorização profissional. Infelizmente, apesar do longo internamento hospitalar a que precisou ser submetido recentemente, onde recebeu toda a assistência e cuidado de enfermeiras e enfermeiros, Bolsonaro não percebeu a importância dessa categoria para o seu pronto reestabelecimento. Não é de se espantar, tendo em vista as inúmeras declarações em que mostrou seu despreparo político e humano, atacando constantemente indígenas, negros(as), mulheres e os mais pobres, além de defender abertamente o absurdo que foi a ditadura militar com todos os seus crimes como a tortura, assassinato de jovens, mulheres e trabalhadores e o desaparecimento dos seus cadáveres, impedindo familiares de lhes prestarem a última homenagem e um sepultamento digno.
O SEEPE reafirma seu posicionamento contrário às medidas que retiram os direitos dos trabalhadores e trabalhadoras com a mesma energia que repudia o desrespeito aos enfermeiros e enfermeiras de todo o país.
Edição: Ludmila Outtes
 
 
SEEPE realiza ato com os enfermeiros de Jaboatão dos Guararapes dia 10 de julho de 2019
 
Tv Seepe - Blitz em Jaboatão dos Guararapes
 
Copyright © 2008 - 2019 - SINDICATO DOS ENFERMEIROS
NO ESTADO DE PERNAMBUCO - SEEPE
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Rua Treze de Maio, nº 292 - Santo Amaro - CEP:50100-160
Horário de funcionamento: Segunda a sexta: 8h às 17h.
Telefone: (81)3040-4457
Filiado à:
Parceiros:
| Cofen | Aben | Aben-PE | Portal FNE | CNS | CES | Portal da Saúde | Blog da Saúde | Movimento Luta de Classes | Coren PE |
SEEPE nas redes sociais: